segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Dicas de leitura para começar 2016 mais inspirada

Férias, heim? Nem que seja um modesto recesso de 5 dias, finalmente é hora de descansar essa beleza, depois de um ano de trabalho árduo. Hora de comemorar as conquistas de 2015 e recarregar a bateria para o ano que se inicia. E que tal aproveitar esse “ócio criativo” pra dar-se um presente? Nossa sugestão (na verdade, nossas 3 sugestões) são esses livros fascinantes, que, com certeza, vão lhe entreter, acrescentar e inspirar!


1) “Eu sou Malala”,  de Christina Lamb e Malala Yousafzai.

Qualquer um que tenha visto Malala na TV ou ouvido falar dela se comoveu com sua história. O meu convite é você conhecê-la através das palavras da própria jovem, nessa auto-biografia. Em um contexto de tensão mundial, onde tão pouco sabemos dos talibãs e tanto os tememos, é instigante mergulhar na vida dessa menina que, lutando pelo direito à educação, levou um tiro na cabeça quando voltava da escola e, aos 16 anos, ganhou um Prêmio Nobel da Paz. Parece estranho uma pessoa tão jovem ter uma biografia, mas incrível mesmo é ter vivido tão grandiosamente, superando obstáculos que pareciam intransponíveis. Cultura, religião, machismo, pacifismo, conceitos duros de compreender e discutir, mas que foram vividos na pele por Malala e serão sentidos por vocês nessa leitura. Disponível no site da editora Companhia das Letras.

2)    "A Cabeça do Santo" -  de Socorro Acioli.

Esse é, na realidade, o meu favorito entre os três que estou indicando hoje pra vocês. E não é só porque é exageradamente bem escrito, mas porque é da minha amiga, contemporânea da faculdade de Jornalismo, Socorro Acioli. Depois de ter sido premiadíssima por uma vasta coletânea de obras infantis, a autora ousou escrever para adultos e – bingo! – superou todas as expectativas. “A cabeça do santo” está inspirado naquela cabeça gigante de Santo Antonio que foi abandonada na cidade cearense de Caridade. Lembro-me que todo ano, indo para Canindé, eu me intrigava com aquele santo sem cabeça erguido na entrada da cidade, que podia ser visto da estrada. Pois Socorro Acioli, após participar de uma oficina literária com Gabriel García Marquez (!!!), deu a essa cabeça abandonada mil histórias. No livro, o protagonista Samuel busca abrigo dentro dessa cabeça e começa a ouvir muitas vozes de mulheres apaixonadas que rezavam para o santo pedindo marido. Como bom cearense, ele “empreende” uma série de casamentos e arranjos matrimoniais. Lançado já em diversos países, a obra tem um enredo genial, muito bem desenvolvido com humor, regionalismo e o poder de nos surpreender até a última linha. Gostou? No site da Companhia das Letras você pode comprar a edição impressa ou a digital.

3)    “O tempo entre costuras”, de María Dueñas.

Já indiquei pra vocês outro livro desta mesma autora, o “A melhor história está por vir”, que, apesar de ter sido o segundo escrito por ela, foi o primeiro que li. Agora, minha sugestão é esse romance que foi traduzido a 27 idiomas e vendeu, somente na Espanha, 1,3 milhões de exemplares. A história se passa no final da década de 30 e é protagonizada por uma costureira de Madri. Sira Quiroga, apaixonada, parte para Marrocos, pouco antes de estourar a Guerra Civil Espanhola. O que podia parecer um romance água com açúcar, vira uma aventura de fuga, com espiões e armadilhas, totalmente envolvente. Ficou curiosa? Pois não perca tempo, porque a leitura vale a pena. O livro pode ser adquirido no site da Livraria Saraiva.

Ficou interessada em ler? Garanto que não vai se arrepender. Depois volta aqui e comenta com a gente! Um beijo e “boa viagem”!




Danielle Campos de A. Rogés
Jornalista, apaixonada por literatura e editora do Clube do Rímel.
danielle@evolucion.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário